Sábado, Abril 28, 2007

sem teto, por enquanto

o lugar para onde eu quero ir. uma promessa. praia em dia de sol, arco-íris em dia de chuva, dormir até mais tarde dia de domingo.
um desejo. rua tranqüila, casa com jardim e quintal, barulho de gente pequena, empinar pipa na laje.
o lugar para onde eu quero ir é uma certeza. alegria de quando eu era criança, dia de passeio na escola, presente de aniversário, viagem pro sítio do tio.
é uma crença. paz de águas abrigadas, grandeza de paisagens sertanejas, a infinitude do mar.
é um encontro. sorriso sincero de manhã, saudades ao longo do dia, dois beijos antes de dormir.
o lugar para onde eu quero ir. uma vida. livros na varanda em dias quentes, filmes embaixo do cobertor nas noites frias, amigos ao meio-dia.
um marco. casa que nunca foi antes. e muda tudo que vem depois.
o lugar para onde eu quero ir é quase nada. é quase tudo. uma felicidade que não cabe em nenhum lugar, só em mim.
o lugar pra onde eu quero ir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: