Quarta-feira, Junho 15, 2005

delay – iche iche

* esse blog está com um atraso em relação a minha vida, então, considerem aí uma semana, uma semana e meia atrás…

* ganhei o novo disco de Nick Cave & Bad Seeds, B-Sides & Rarities, é o disco é liiiiiindo. mas recomendo apenas para fãs no mais alto grau de vício, como eu. ah… o disco tem uma versão liiiiinda de deana, que era uma música que eu não gostava…

* sexta-feira, entrevistei Ariano. terça-feira, entrevistei Carpinejar. e ainda teve um fim de semana no meio. Fico pensando que, às vezes, a vida pode ser justa.

* a dissertação, sim, amigos, está caminhando…

* José Teles, sempre ele, gravou um disco lindo para mim… Willy Mason. baixem no slsk, na mula, onde quiserem… tem a ver com bob dylan, é um blues indie, com poucos elementos, som meio cru. bom pra namorar.

* então é isso.

 

dias contados
é um corpo que não se estende além de seus próprios limites. apenas seus olhos se alongam na direção do mundo. e ela vê. mais do que os olhos poderiam. mais do que lhe pede a alma. carrega a alma arrastada pelos olhos. obrigando-a a respirar para fora. ela compreende o tempo, a passagem das horas, mas sabe que seus dias estão contados. guarda os momentos que se foram num cofre. estão trancados a chave para não perder o cheiro do presente. ela fecha as gavetas, lacra os armários e imobiliza os livros da estante. espera que um dia, ao seu lado, possa desembrulhar sua ausência. e vai falar de tudo o que fez enquanto você buscava o mundo alheio a si mesma. ela vai sussurar da chuva que batia na janela, da respiração intranqüila nas noites que sonhava, dos beijos que viu na rua e não teve coragem de roubar. ela vai contar das suas luzes que brilhavam a distância e da mariposa que era, rasgando-se entre vidraças. mas ela é a filha mais velha de uma longa família. é a mais obediente. não sabe dar um passo que não seja consentido. aguardará até que você a permita. ela só chega até onde a mão se alonga. não vai pedir. mas vai sonhar, desejar e esperar, imensamente, que você a resgate e puxe pelas mãos. que você queira ouvi-la. que você deixe o seu corpo repousar ao lado dela.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: