Quarta-feira, Abril 06, 2005

desinventário
tinha um jeito estranho de entrar sem fazer barulho. mãos suaves, nem ruído de porta. corpo leve, os sapatos a ignorar o chão. chegava com sede e bebia a brisa ao lado da janela. observava o vôo das cortinas brancas sobre a rede azul-escuro, a pele brilhante dos azulejos estampados, a curva do rio ali adiante. a rua tinha ficado para trás, com seus barulhos, os movimentos alheios, a pressa, dois amores perdidos, um celular roubado, três livros que nunca lhe devolveram, uma chave que nunca achava na bolsa, e cento e poucos réis. era todo seu desinventário. sentia-se leve. dormiu ali, naquele mesmo instante, e teve um sonho bom. paira assim há 36 meses. um jeito estranho de não fazer barulho. ssssch, cuidado não acordar. 
by Bonina pode falar (0) | trackback (0)

superestimar
v.1 t.d. atribuir (a algo) preço ou valor acima do razoável ou do vigente 2 t.d. atribuir (a algo ou alguém) qualidades ou características acima das reais.
foi o houaiss que disse 
by Bonina pode falar (0) | trackback (0)
dormir bem
banho morno
sabonete de mel
perfume de lavanda

ah… e se vc tiver bebido muito, neosaldina também ajuda.

by Bonina pode falar (0) | trackback (0)

clap clap clap
xxx, meu bem, seu aniversário foi uma delícia… diversão garantida ou seu dinheiro de volta! já tô me escalando para o próximo ano. a sessão madonna e britney foi a melhor. você sabe como apresentar pessoas.

by Bonina pode falar (0) | trackback (0)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: